França Paris Viagens

Era uma vez no Georges… Pompidou

GEORGESTOP

Georges22Por Charles Piriou

Confesso que é com um pouco de nostalgia – ou melhor, saudades – que hoje escrevo sobre um dos meus lugares preferidos em Paris, o Georges. Foi o lugar onde trabalhava quando de repente meu destino mudou para aterrissar em São Paulo. São muitas histórias para contar…

7f38809f4841a59018eeffe220417973e0361719Trabalhar dentro de um museu parisiense já é um privilégio, e servir as mesas de um dos restaurantes mais badalados da capital é mais ainda. Ao chegar todos os dias, precisava estar a altura do visual deslumbrante que o Georges oferece, com um terno sempre impecável e uma gravata de grife, recém comprada se puder. O imenso salão rodeado de vidros gigantes e seu terraço design bem quadrado abrigam mais de 400 lugares até hoje. As mesas são sistematicamente alinhadas e cobertas de rosas vermelhas entregue diariamente.

GEORGESTOPO show começa todos os dias a meio-dia e não para mais até duas horas da manhã. A atmosfera vai evoluindo com a música e a luz do sol, mas o cenário continua sempre o mesmo. O lugar já foi alugado várias vezes para filmagem, não é a toa. Dezenas de funcionários se revezam para servir centenas de clientes por dia que vem apreciar o lugar mágico.

au-george21Me lembro as noites de verão vendo o sol se por sobre Paris servindo clientes, famosos ou não, todos maravilhados com os olhos brilhando ao ver Paris como eu via todos os dias. Quando os últimos clientes saiam, nós costumávamos sair entre nós para comemorar a noite parisiense até tarde. Tudo recomeçava igual no dia seguinte, as 11 horas pontualmente. Diversas exposições de arte contemporânea, vários turistas do mundo inteiro, o pleno coração de Paris, tudo coberto por um bar e restaurante deslumbrante.

5346efe24c5b6ef252be245d3bc3ae4db08c43f7

570cad99a4dbf6b92af79bff11c915b1614c0c2bDo lado da gastronomia, um cardápio made in costes, sem surpresas nem muita ousadia, mas sempre a altura da brasserie parisiense moderna. Excelentes vinhos, com preços salgados. A vista se paga. Perfeito para tomar um drinque a tarde ou almoçar no verão, as noites costumam ser cheias e precisa sempre reservar. Estar chique e bem vestido é um plus por aqui. As melhores mesas do terraço e « Vip » são numeradas as « 40 », pode pedir quando reservar ao telefone, só não vale contar a fonte.

Bon voyage, et bon appétit.

Georges – Centre Georges-Pompidou

Place Georges-Pompidou, 75004 Paris, França

Tel: +33 1 44 78 12 33