Viagens

POSTAGENS RECENTES

VER RESUMOS

O LeBlog está no clima de casamento e por isso estamos pesquisando e conhecendo diversas maneiras diferentes e interessantes de dizer o SIM! Mônaco inovou neste quesito oferecendo cerimônias de casamento mais exclusivas e diferentes do mundo.

São infinitas as possibilidades de comemorar esse dia tão especial. Em Mônaco o casamento subaquático é a grande novidade. Uma cerimonia feita toda embaixo d’água em um cenário paradisíaco.

Adoramos a idéia, isso sim é que eu diria ser um “Destination Wedding” exótico!

monaco2

Mergulhando de cabeça no assunto, o LeBlog foi fundo nesse mundo inusitado das cerimonias subaquáticas. Um dos pioneiros é Pierre Frolla, mergulhador experiente que proporciona esse momento único a casais do mundo todo, em Mônaco. Ele concedeu uma entrevista exclusiva para o LeBlog contando um pouco mais desse universo:

De onde veio a ideia de estender sua experiência de mergulho para outras pessoas, mais especificamente em cerimonias de casamento?
A ideia de transmitir meu conhecimento e minha paixão veio simplesmente do
sentimento de ter de devolver às pessoas o que ela me ofereceram. Graças ao apoio
de meus amigos, meu time e as pessoas que me acompanham desde o começo, eu
tive sucesso em alcançar todos os meus objetivos. Foi portanto normal para mim, por
um lado, transmitir, compartilhar e assegurar minha reconversão no meu campo de
predileção. Organizar meu casamento embaixo d’água foi uma loucura, um desafio e
acima de tudo um tributo magnífico que eu quis oferecer à Mara, minha noiva, que se
tornou uma mergulhadora com minha ajuda no início. Além disso, eu queria
compartilhar uma cerimônia original com meus amigos mergulhadores e apneístas. O
evento foi muito louco, 70 mergulhadores no total, um juiz de paz que oficializou a
cerimônia e especialmente o Príncipe Albert II como testemunha. Um momento
inesquecível!!

Por que as pessoas escolhem uma cerimonia inusitada como essa submersa ao invés de uma tradicional?
Simplesmente porque é original, um evento diferente, como se fosse um sonho
acordado, um verdadeiro conto de fadas!! E as mulheres adoram!

Qual foi a cerimonia embaixo d’agua com o maior numero de convidados? quantas pessoas compareceram?
A minha. O evento teve 70 mergulhadores, um juiz de paz e o Príncipe Albert II como
testemunha. Uma semana de preparação para 20 minutos de cerimônia.

Como preparar a cerimônia e onde fazer?
Geralmente é preferível fazer o casamento subaquático em mar aberto. Se necessário,
nós treinamos a pessoa antes.

A cerimônia subaquática será reconhecida como um casamento oficial em breve?
Eu não sei, mas seria ótimo. Na França, o casamento é formalizado pelo juiz de paz, se
ele estiver presente embaixo d’água no dia da cerimônia, então é possível dizer que o
casamento é oficial 🙂

Essa experiência acontece em Monaco. Alguma razão especial para a escolha do lugar?
Sim, é o melhor lugar do mundo!!!

Algum lugar “must go” em Monaco?
Sem hesitação minha escola de mergulho, Blue School 🙂

monaco3

Essa opção mais ousada pode ser uma boa escolha para uma cerimonia alternativa entre amigos ou ate mesmo para uma renovação de votos. Com certeza será uma experiência inesquecível.

Clique aqui para ver mais dicas de Mônaco.

Com 2 km de extensão, o segundo menor país do mundo é um dos mais chiques e impressionantes para se visitar, por sua localização privilegiada ideal para combinar com outras cidades europeias. Está muito próxima da Espanha, França e Itália.

Preparamos duas opções de roteiros para quem deseja conhecer o Principado em duas e quatro noites.

2 Noites

1º dia: Chegada Chegada ao Aeroporto Internacional Nice-Côte D’Azur. Traslado de helicóptero ou locação de veículo. Chegada ao principado, check in no hotel. Visita ao Spa Thermes Marins Monte-Carlo, seguida de uma bebida no bar American, localizado no Hôtel de Paris, ao fim do dia.

2º dia: Visite o belíssimo Jardim Exótico e faça tour em uma caverna pré-histórica no local. Em seguida, o Jardim da Princesa Grace, roseiral em homenagem a Princesa Grace de Mônaco, em Fontvieille. Para completar, visite a Coleção Privativa de Carros do Príncipe. Caminhe até o Palácio do Príncipe, localizado no Rochedo, para tirar fotos da vista mais bonita do Port Hercule e do Mediterrâneo e veja a troca da guarda às 11h55. Visite também a Catedral de Mônaco e o Museu Oceanográfico. Finalize o dia no belíssimo Café de Paris, jante no restaurante Buddha Bar e visite o icônico Casino de Monte-Carlo (foto).

monaco20

3o dia: Caminhada e compras no Mônaco Pavillions (foto), localizado em frente à praça e Jardim do Cassino. Ou então, faça um passeio privativo de iate.

monaco22

Check out no hotel e traslado para o Aeroporto Internacional Nice-Côte D’Azur.

4 Noites

1º dia: Chegada ao Aeroporto Internacional Nice-Côte D’Azur. Traslado de helicóptero ou locação de veículo. Chegada ao principado, check in no hotel. Visita ao Spa Thermes Marins Monte-Carlo, seguida de uma bebida no bar American, localizado no Hotel de Paris (foto), ao fim do dia.

monaco23

2º dia: Passeio de um dia inteiro pelas cidades da região: Villefranche-sur-Mer; Saint Jean Cap Ferrat; e o vilarejo medieval de Eze, com passeio à fábrica de perfume “Fragonard”. Finalize o dia com jantar no restaurante Nobu.

3º dia: Faça um passeio de helicóptero sobrevoando as belezas monegascas. Delicie-
se em um os renomados restaurantes estrelados para uma verdadeira experiência gastronômica.

4º dia: Visite o belíssimo Jardim Exótico (foto), e faça tour em uma caverna pré-histórica no local. Em seguida, o Jardim da Princesa Grace, roseiral em homenagem à Princesa Grace de Mônaco, em Fontvieille. Para completar, visite a Coleção Privativa de Carros do Príncipe. Caminhe até o Palácio do Príncipe, localizado no Rochedo, para tirar fotos da vista mais bonita do Port Hercule e do Mediterrâneo e veja a troca da guarda às 11h55. Visite também a Catedral de Mônaco e o Museu Oceanográfico. Finalize o dia no belíssimo Café de Paris, jante no restaurante Buddha Bar e visite o icônico Casino de Monte-Carlo (foto).

monaco21

5º dia: – Partida: Aproveite para caminhar e fazer as últimas compras no Mônaco Pavillions, localizado em frente à Praça e Jardim do Cassino. Ou então, faça um passeio privativo de iate.

Check out no hotel e traslado para o Aeroporto Internacional Nice-Côte D’Azur.

Clique aqui para reservar seu hotel em Mônaco.

Clique aqui para ver mais dicas de Mônaco.

Dentre as inúmeras experiências excepcionais que podem ser encontradas em Mônaco, a gastronomia certamente está entre elas. Dos restaurantes com estrelas Michelin a elegantes cafés, não existe outro lugar no mundo em que tantas opções gourmets podem ser encontradas dentro de dois quilômetros quadrados.

monacorestaurantes5

Novos restaurantes estão abrindo, outros se orgulham de suas estrelas Michelin e alguns dos chefs mais renomados do mundo estão se reunindo às margens do Mediterrâneo, inspirados por uma rica cultura gastronômica e abundância em ingredientes frescos e saborosos. Dentro das fronteiras do Principado existem mais de uma centena de restaurantes, seis deles colecionam nove estrelas Michelin, sendo a mais nova obtida pelo aclamado Blue Bay, no Monte-Carlo Bay Hotel & Resort. Uma conquista culinária impressionante para um país tão pequeno.

Apesar da variedade de pratos ser internacional, Mônaco se orgulha de sua própria gastronomia: uma fusão saborosa da cozinha do sul da França (especialmente de Provence e Nice) e Itália. O Mar Mediterrâneo também exerce uma forte influência em Mônaco, oferecendo uma grande variedade de peixes.

Um dos mais recentes restaurantes é o Song Qi, o primeiro restaurante chinês de alta gastronomia em Mônaco comandado pelo estrelado chef Alan Yau (Hakassan restaurants) e pelo grupo monegasco Giraudi. Song Qi combina a arte da culinária chinesa com pratos modernos e sofisticados, servidos ao estilo família, como é habitual na China, e uma carta de vinhos que harmonizam com cada um dos pratos. O nome do local é derivado de SONG, a dinastia chinesa que reinou de 960 a 1279 e significa “força” e “poder”, e da palavra QI, que representa a natureza na cultura chinesa.

monacorestaurantes1

Um dos mais elegantes restaurantes do principado é o aclamado Le Louis XV Alain Ducasse no Hôtel de Paris, do chef Alain Ducasse, que celebrou seu 25° aniversário em 2012 e reabriu suas portas em 2015 com um novo menu e cenário. O restaurante de três estrelas Michelin apresenta a famosa e lendária adega de vinhos (que contém mais de 400 mil garrafas, incluindo raros e valiosos exemplares de todo o mundo) e um salão que lembra a Versailles do século XVII. O novo aspecto do restaurante, desenhado por Patrick Jouin e Sanjit Manku, evoca sultilmente a art de vivre da riviera

Já o respeitado restaurante Joël Robuchon Monte-Carlo, que fica dentro do Hôtel Metropole Monte-Carlo, tem duas estrelas Michelin. Sob a direção do chef executivo Christophe Cussac, serve cozinha contemporânea produzida com os melhores ingredientes mediterrâneos. Conforme o código de culinária de Joël Robuchon, nenhum prato pode apresentar mais do que três sabores. O conceito de cozinha aberta do chef garante uma experiência culinária interativa e cativante.

monacorestaurantes

Alem dos restaurantes badalados e estrelados do principado, uma das mais clássicas atrações durante as manhãs é o Mercado da Condamine, que fica na Place d ́Armes, perto do Port Hercule com especialidades locais para experimentar ou comprar. O mercado ao ar livre oferece frutas frescas, vegetais e flores e, na parte coberta, há um açougue, peixeiro, padaria, etc.

monacorestaurantes2

Veja algumas delícias da cozinha monegasca que valem a tentação:

Barbajuan: uma massa crocante, assada ou frita, recheada com acelga, ricota, alho-poró, alho e ervas, normalmente servida como um aperitivo

Fougasse: um pão pequeno e doce aromatizado com laranjas e decorado com nozes, uvas-passas e erva-doce, que pode ser encontrado em padarias locais

Torta de acelga: duas camadas de massa com uma mistura de acelga, queijo parmesão, salsinha, ovos, cebola e arroz

Pissaladière: originalmente de Nice, a versão monegasca é uma torta coberta por cebolas, tomates e azeitonas

Socca: uma panqueca fina feita de farinha de grão de bico e azeite normalmente encontrada em vendedores na rua

Stocafi: um prato de bacalhau ensopado em molho de tomate, azeitonas e pequenos vegetais é uma iguaria local.

Flores de abobrinha recheadas, torta de trufa e foie gras e alcachofras ao estilo provençal, cozidas no vinho com azeite, são outros favoritos monegascos.

Clique aqui para ver mais dicas de Mônaco.

Mônaco é um pequeno país localizado entre a França e o Mediterrâneo, famoso por sua elegância, seus carros de luxo, os eventos esportivos, grifes famosas, iates e todo o universo da alta sociedade, além de ser reconhecido como um centro econômico e cultural europeu.

Durante o ano todo há uma efervescência cultural no país, com incontáveis eventos e festivais. Há sempre um motivo para celebrar, seja a chegada da primavera, cinema e literatura, arte, bailes beneficentes, teatro e circo, esportes, a Festa Nacional, entre muitas outras festividades. Durante a noite, o país não perde a intensidade e a diversão é garantida em cassinos, nightclubs, pubs e os famosos bares com música ao vivo e djs.

O mais famoso deles é o Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1 quando o país é invadido por muita adrenalina e as charmosas e curvilíneas ruas de Mônaco se transformam no mais famoso circuito de alta velocidade do mundo.

monaco1

Dentre os outros eventos conhecidos mundialmente que o país recebe, o Mônaco Yacht Show acontece no segundo semestre desde 1991. É um lugar onde os visitantes podem admirar, conhecer e comprar cerca de 120 extraordinários iates.

monaco12

Desde 1994, o Mônaco Classic Week, organizado pelo Yacht Club de Mônaco mostra ao mundo o patrimônio marítimo de Mônaco. O evento reúne barcos, veleiros e iates clássicos, dos menores aos mais luxuosos. Os admiradores também podem conhecer embarcações de outras épocas completamente restauradas.

monaco9

O Monte-Carlo Rolex Masters é um evento de tênis que acontece todos os anos no Principado de Mônaco, desde 1897. Os melhores tenistas do mundo se reunem no destino entre 15 e 23 de abril de 2017 para disputar o torneio.

monaco8

O evento acontece no Monte-Carlo Country Club, conta com 56 esportistas e tem 10.200 assentos disponíveis na arquibancada. Os ingressos começaram a ser vendidos no dia 17 de outubro, a partir de EUR 25 euros até EUR 185 no Court Rainier III. Um passe para assistir aos 9 dias da competição está a venda a partir de EUR 330 até EUR 1195. Além do torneio, um jantar de gala vai acontecer no dia 21 de abril no Sporting Monte-Carlo, com a presença de jogadores e parceiros do torneio.

Além da Fórmula 1, Mônaco também sedia um novo campeonato para celebrar inovações em carros elétricos, o Monaco ePrix que é destinado a uma nova geração de apaixonados pelo automobilismo. São dez equipes, cada uma com dois pilotos, que correm em seus carros elétricos que podem ultrapassar os 225 km/h.

monaco13

De tempos em tempos acontecem maravilhosos concertos no Salle Garnier, dentro do Cassino e Ópera de Monte-Carlo, como uma forma de desenvolver a “arte do prazer”. Os turistas têm a oportunidade de assistir a um concerto privado (o local tem apenas 534 lugares) em um lugar de arquitetura fantástica (o Salle Garnier foi construído por Charles Garnier nos mesmos moldes da Ópera de Paris, em 1879). Normalmente, concertos em casas de ópera são dedicados à música clássica, mas neste caso os convidados também podem ser bandas de jazz ou rock. A temporada de concertos sempre se inicia no Dia Nacional de Mônaco, em 19 de novembro.

monaco10

Durante muito tempo o circo ficou conhecido por levar alegria e sorrisos a crianças e adultos. O Príncipe Rainier III era fascinado pelo mundo circense e criou, em 1974, o International Circus Festival, para que os melhores performistas do mundo pudessem se apresentar. Todo ano, centenas de artistas enviam pedidos para fazer parte do evento, que acontece em janeiro e premia as duas melhores performances.

monaco5

Os “Bailes de Mônaco” têm uma tradição bem antiga, desde a criação do Cassino de Monte-Carlo, em 1863. Marie Blanc gostava muito de organizar eventos e tinha uma paixão específica por bailes, que organizava no Hotel de Paris. Algum tempo depois, eles começaram a acontecer dentro da Ópera de Monte-Carlo, onde os convidados colocavam máscaras e se vestiam com roupas muito elegantes feitas por alfaiates e artistas renomados.

Em 1966, a Société des Bains de Mer celebrou seu 100o aniversário com um evento chamado “Le Bal du Centenaire”, onde celebridades se reuniram com o Príncipe Rainier III e a Princesa Grace, a inesquecível rainha do baile. Até hoje é organizado este tipo de evento, como o Rose Ball, com suas rosas e cem violinos, que acontece todos os anos em março, adota um tema a cada edição e arrecada fundos para a Princesse Grace Foundation, ou o Monaco Red Cross Gala, em agosto, que já recebeu artistas como Ella Fitzgerald.

Um dos festivais de arte mais importantes da Europa, o Printemps des Arts de Monte- Carlo, é um evento tradicional idealizado pela Princesa Grace de Mônaco em 1984 e que continua com seu ideal de não se tornar um festival especializado em uma única modalidade artística reunindo música, teatro, dança e escultura.

monaco4

O evento acontece em diversos locais preparados para receber as mais distintas manifestações de arte como o Pavillon du Festival, Salle Garnier, Theatre des Varietes e Grimaldi Forum.

Desde 1974, o Sporting Summer Festival é um festival inovador que leva grandes celebridades a Mônaco. Ele acontece no Salle des Etoiles, uma casa de shows em Mônaco que abre seu teto para o céu, durante os meses de julho e agosto, na temporada de verão europeia. O local tem capacidade para 900 pessoas sentadas e cerca de 1200 pessoas em pé, com o palco a apenas alguns centímetros das primeiras mesas, tornando os shows quase privativos. A maioria dos eventos começa com um jantar e segue com o show. Em 2015, a seleção de artistas incluiu músicos como Lady Gaga e Tony Bennett, Lenny Kravitz, Santana, Enrique Iglesias e até mesmo Caetano Veloso e Gilberto Gil.

monaco3

A cada ano, celebridades, artistas de televisão, produtores e diretores se reúnem em Mônaco no Festival de Télévision de Monte-Carlo para promover suas séries e concorrer a prêmios de melhores programas televisivos, recebendo a estatueta dourada em forma de ninfa. Entre as atividades do evento, os convidados participam de apresentações exclusivas, conversas e discussões com profissionais da indústria, sessão de autógrafos e cerimônias.

A história do Rallye Monte-Carlo começou em 1911, quando Mônaco decidiu organizar um rali de automóveis com o objetivo de promover Monte-Carlo como um destino turístico. Para isso, os competidores saíam de diferentes cidades europeias e celebravam o final da corrida no Principado de Mônaco. O primeiro ano atraiu apenas 23 participantes, mas o sucesso foi tanto que já no ano seguinte o número quadruplicou.

monaco2

O evento acontece todo ano em janeiro e é organizado pelo Clube Automobilístico de Mônaco. Apesar de ser essencialmente um rali de asfalto, o clima das regiões montanhosas é imprevisível e as diferentes condições climáticas se tornam um desafio para os corredores. Eles podem encontrar piso seco, neve ou gelo na mesma corrida. Por isso a escolha de pneus é muito importante, assim como a habilidade individual de entender as condições climáticas que serão enfrentadas.

Mônaco – como chegar

O Aeroporto International Nice-Côte d’Azur liga o Principado de Mônaco a mais de 86 destinos pelo mundo.

O Principado de Mônaco, via Aeroporto de Nice (a 25 minutos por auto-estrada ou a 6 minutos de voo de helicóptero), tem ligação diária com as principais capitais européias e, de lá, para todos os continentes.

A companhia aérea francesa Air France oferece 73 voos por dia para o aeroporto de Nice, procedentes de 15 cidades da França e 7 cidades da Europa e do mundo.

Clique aqui para ver mais dicas de Mônaco!