Bem Estar

POSTAGENS RECENTES

VER RESUMOS

Quem ama uma Roadtrip já sabe que é preciso fazer dar um check em várias coisas: revisão do carro, água, roupas confortáveis, snacks, uma playlist com as músicas perfeitas para a estrada, o GPS do celular já com o destino apontando. Mas além disso, é preciso estar atento aos cuidados com o nosso corpo, afinal ele tem que chegar inteiro ao destino para que o passeio seja aproveitado ao máximo.

Pensando nisso pedimos para o ortopedista do Hospital Santa Paula, o Dr. Fabiano Cunha, algumas dicas para quem for se aventurar em um programa como este. Segundo o Dr. Cunha, o simples ato de dirigir em uma estrada já gera estresse e tensão. É importante conhecer os limites do corpo, estar descansado, alimentado e hidratado para enfrentar horas de estrada.

Entre os sintomas mais comuns para quem dirige por mais de duas horas, por exemplo, estão as dores no pescoço, que podem irradiar para a cabeça ou para os braços, e a dormência nas mãos. Quando o condutor enfrenta chuva na estrada, o risco de estresse e dor é ainda maior, já que aumenta a tensão e o receio de cruzar com motoristas imprudentes.

Dr. Fabiano lembra aos condutores a importância de reconhecer os limites do corpo e dá algumas recomendações para quem costuma pegar a estrada por longas horas ou pretende viajar nos próximos dias:

Caminhada e alongamento

Se o condutor estiver dirigindo por mais de duas horas, é necessária uma pausa para caminhar por 5 minutos e melhorar a circulação sanguínea nas pernas e relaxar a coluna. “Quando sentamos, o peso fica todo na coluna, o que é muito prejudicial. Essa parada também permitirá respirar mais calmamente, melhorando a oxigenação cerebral e dos órgãos”, afirma o médico;
Durante a caminhada, o doutor aconselha fazer um alongamento, movimentando o joelho na altura do quadril, como se fosse marchar. Depois, com as mãos na cintura, fazer movimentos para a esquerda e direita com o tronco, para alongar a coluna. Por último, movimentos circulares do pescoço, cabeça, braços e punhos.
Líquidos e alimentos

Evitar comer muito e dirigir logo em seguida, pois aumenta a chance de o condutor sentir sono no caminho;
Ingerir líquidos como água ou suco durante a viagem melhora a circulação sanguínea e reduz o sono. A ingestão de alimentos leves também é importante porque dirigir consome energia, principalmente cerebral.
Posição na direção

A posição normal de dirigir deve ser a mesma de sentar em uma cadeira, no ângulo de 90 graus. Porém, muitos carros têm bancos que colocam o joelho em uma posição mais alta do que o quadril, o que pode comprimir as veias na parte anterior do banco. Nesses casos, a recomendação é colocar uma pequena almofada no assento, na parte de trás, e sentar em cima dela de forma a manter a mesma altura entre quadril e joelho.

Para mais dicas de saúde, clique aqui.

Na coluna de saúde de hoje aqui do LeBlog, o Hospital Santa Paula dá dicas para melhorar a qualidade do nosso sono, área que reflete fortemente na nossa saúde e no nosso desempenho social e profissional.

No Brasil, 40% da população sofre de insônia! O Dia Mundial do Sono foi no dia 17 de Março. A celebração da data nasceu como uma iniciativa da Associação Mundial de Medicina do Sono (World Association of Sleep Medicine – WASM) que pretende conscientizar as pessoas sobre os reflexos de uma boa noite de sono na saúde

A insônia, por exemplo, é um dos distúrbios do sono mais populares e se caracteriza pelo esforço em iniciar este processo ou acordar durante a noite com dificuldade para voltar a dormir. Segundo dados da Associated Professional Sleep Societies (Associação Profissional das Sociedades do Sono), dedicada a pesquisas relacionadas ao tema em todo mundo, este problema faz parte da rotina de 10,2 a 40% da população mundial

No Brasil, a insônia é um distúrbio que acomete cerca de 40% da população, segundo dados do Instituto do Sono. Em São Paulo, por exemplo, a taxa chega a cerca de 45%.

Os transtornos de sono afetam diretamente a qualidade e saúde das pessoas causando distúrbios do humor, dificuldades de concentração e memorização, além de doenças pulmonares, gastrointestinais e cardiovasculares, como a hipertensão

“É muito importante saber que a insônia não é doença, é um sintoma. Ela é a manifestação de que algo não anda bem e deve ser investigado. É necessário levar em consideração fatores sociais, biológicos, psicológicos, cognitivos, comportamentais e até mesmo genéticos, que podem desencadear o quadro.”, explica a neurologista do Hospital Santa Paula Renata Simm, de São Paulo

Com o objetivo de alertar a população sobre estes problemas, a especialista dá dicas para melhorar a qualidade do sono

– Dormir de 7 a 8 horas é o ideal para um sono reparador, levando a uma boa disposição durante o dia

– Ter uma dieta balanceada e comer alimentos leves, de fácil digestão, no período da noite

– Dormir com o abajur ou a TV ligada atrapalha na hora de dormir, pois a luminosidade e o barulho dos aparelhos oferecem estímulos que atrapalham o início, a qualidade e a duração do sono

– Usar roupas confortáveis para dormir com tecidos leves e mais frescos, de preferência de cores claras já que absorvem menos o calor

– Café, alimentos com cafeína ou que possam estimular o sistema nervoso devem ser evitados de 4 a 6 horas antes de dormir, pois levam o organismo a um estado de alerta e atrasa a sonolência

Matéria publicada em: Carta de notícias

Para mais dicas de saúde, clique aqui.

No mês passado aconteceu o evento especial de saúde e bem estar organizado pelo Hospital Santa Paula Parque do Povo em prol do Dia Mundial da Saúde. Além de vários exames e dicas de saúde, a chef especializada em cozinha natural Bela Gil estava por lá dando várias dicas sobre como aproveitar o melhor de cada alimento que a natureza oferece.

Ela também ensinou duas receitas saudáveis e super fáceis, que compartilhamos agora com vocês!

Salada verde cremosa com abacate

Ingredientes

2 maços de alface
1 avocado hass ou 1/2 abacate
4 colheres de sopa de azeite extra virgem
2 colheres de sobremesa de mostarda Dijon
Suco de 1 limão
1 dente de alho
1 colher de chá de sal marinho
1/2 copo de nozes picadas ou amêndoas torradas para servir

Modo de Preparo

Lave e corte a alface em fatias largas e coloque-as em uma tigela grande. Coloque o abacate e azeite no processador de alimentos e misture até ficar homogênea. Adicione os ingredientes restantes e processe novamente. Misture o molho com a alface, e sirva com nozes em cima da salada.

Rendimento: 8 porções
Tempo de preparo: 10 minutos
Nível de dificuldade: fácil

Suco cremoso de maracujá

Ingredientes

1/4 xícara de castanha de caju hidratada por 6 horas
3 maracujás
300 ml de água e/ou gelo
2 colheres de sopa de mel cru ou melado de cana

Modo de Preparo

Corte os maracujás ao meio e peneire. Reserve o sumo do maracujá. Bata o sumo do maracujá com a água, castanhas e mel no liquidificador até virar um suco bem cremoso.

Rendimento: 2 copos
Tempo de preparo: 10 minutos
Nível de dificuldade: fácil

Para mais receitas, clique aqui.

A AMARO que eu já postei aqui, é uma marca online que com certeza você já ouviu falar. No mês passado eu divulguei algumas novidades da coleção de inverno que tinha acabado de lançar. Desta vez falo da nova coleção Active que acabou de chegar no site e está maravilhosa!!!

A linha Activewear da marca insere o esporte na cidade, pensando em roupas que podem ser usadas da academia ao restaurante.

As peças além de bonitas são funcionais e produzidas com tecido tecnológico, (oferecem proteção UV e secagem rápida), além de serem bastante elásticas, com muito charme e conforto.

amaro-active3

As leggings da AMARO tem detalhes diferenciados como recortes, zíperes e transparências. Não tem como ficar igual a todo mundo na hora de fazer exercício! Aquela história de roupa sem graça para malhar, ficou no passado, e essa coleção Active faz a gente querer até incorporar elementos fitness às roupas do dia a dia!

amaro-active2

Os Tops são estilosos e modernos, com recortes, cores e tiras que deixam o corpo ainda mais bonito.

amaro-active1

No site é possível encontrar de tudo, roupas mais básicas como calças jeans, blusas e camisetas até opções de suéter e tricôt. Um destaque é a linha Activewear da marca, que insere o esporte na cidade, e oferece muito estilo para quem ama suar a camisa e não consegue ficar parado.

As compras no site são bem rápidas e práticas de fazer, além de oferecer várias formas de pagamento para facilitar ao máximo sua experiência.

Clique aqui para visitar o site da AMARO! 😉