Gastronomia

Aconteceu ontem na Casa Manioca um almoço muito especial da Veuve Clicquot junto ao Chef de Cave da Maison, Dominique Demarville que veio para São Paulo especialmente para o lançamento da Veuve Clicquot Extra Brut Extra Old – uma champagne produzido a partir de uma das maiores coleções de vinhos de reserva da região de Champagne.

O champagne Veuve Clicquot Extra Brut Extra Old é um vinho totalmente autoral que nasceu do desejo de Dominique de identificar a essência do Yellow Label. É um champagne ultra-premium de dupla maturidade e dosagem muito baixa, de inigualável pureza e intensidade.

veuve1

A chef Heleza Rizzo preparou um menu especial cheio de ingredientes brasileiros para harmonizar com 6 champagnes da Maison. O resultado foi surprendente.

Sergio Degesse

Sérgio Degese (diretor geral da Veuve Clicquit Brasil) com a Helena Rizzo e Dominique Demarville

A Veuve Clicquot guarda em suas caves em Reims uma extensa biblioteca de vinhos de reserva que são o coração da sua identidade, a personificação do estilo e dos valores da maison. Os vinhos de reserva selecionados para a criação deste novo champagne presta tributo do icônico Clicquot Brut Yellow Label. Para o Chef de Cave, que reuniu seis anos dos principais vinhos de reserva da Clicquot abrangendo mais de três décadas (1988 a 2010), “o Extra Brut Extra Old é a essência mais pura da Maison Veuve Clicquot, combinando os seus valores-chave: savoir-faire, tradição e inovação”. 

Extra Brut Extra Old é intenso e poderoso, equilibrando sua profundidade com uma pureza mineral fresca tradicionalmente associada à suavidade do Yellow Label. A sua personalidade o torna um champagne muito adaptável, harmonizando bem com pratos leves e delicados, e também com culinária mais rica em sabor.

Para quem já está se perguntando quando este must have chega no Brasil eu digo já! No final de junho ao preço de R$ 650,00.

Clique aqui e veja mais posts como este!