Gastronomia

Essa é mais uma vinícola muito especial. Já havia contado um pouco aqui no LeBlog sobre os vinhos Georges Duboeuf quando o conheci em um evento em São Paulo.

A convite da Interfood tive o privilégio de ir conhecer a vinícola pessoalmente na Borgonha e foi uma experiência maravilhosa poder apreender um pouco mais sobre este grande produtor.

Foi em setembro de 1964 que Georges Duboeuf criou a “Les Vins Georges Duboeuf” revolucionando as práticas utilizadas na época através da aplicação de métodos tradicionais de seus antepassados: o respeito pelo terroir, o trabalho do enólogo, uma rigorosa seleção das uvas, acompanhamento dos vinhos no momento do engarrafamento e acima de tudo, a busca contínua de alta qualidade com processos limpos de engarrafamento.

georges3

Viajando pelo mundo para conhecer os vinhos de cada produtor selecionado, Georges tornou-se praticamente o embaixador da região. Até hoje, mantem-se fiel à sua missão de oferecer vinhos de qualidade. Mantendo com os produtores de vinho relações estreitas, ele exerce a sua atividade com paixão e desejo constante de compartilhar o melhor de Beaujolais.
Os anos 80 marcaram o início desta aventura com a chegada do Beaujolais na América do Norte, Austrália e Japão.

georges1

Em 1993, Georges abriu o primeiro parque dedicado às vinhas e vinhos. O Le Hameau du Vin, que é um parque temático muito interessante que leva os visitantes através de 2.000 anos de história de cultura dos vinhedos, com uma coleção de objetos raros da família e atividades interativas bem diferentes. Os visitantes mergulham no universo dos vinhos, aprendem e se encantam com toda a história que é apresentada de uma maneira criativa com muitas fotos, videos e cenas da época.

Os entusiastas do vinho podem explorar a estação de trem Romanèche-Thorins que está remontada na entrada da vinícola. Uma caminhada no Jardim do Beaujolais é uma oportunidade para descobrir uma boa variedades de aromas de flores, de árvores frutíferas e de especiarias que adicionam ricos sabores nos vinhos.

georges4

Há também visitas ao centro de vinificação, inaugurado em 2003, que revela os segredos da vinificação e técnicas tradicionais.

Fizemos uma visita as caves seguida de degustação. Foi uma experiência maravilhosa poder provar e comparar os sabores e aromas dos vinhos após o envelhecimento e discutir diretamente com os enólogos mais experientes da vinícola.

georges

Clique aqui para ver mais dicas da Borgonha.

Les Vins Georges Duboeuf | 208 rue de Lancié, 71570 Romanèche-Thorins.

Tel + (33) 3 85 35 34 20